Disciplinas obrigatórias para Avaliação de Tecnologias em Saúde

Avaliação de Tecnologias em Saúde

Ementa: Introdução sobre ATS. Utilização da ATS. Tipos de avaliação. Relação pesquisa e tomada de decisão.
– avaliacao-de-tecnologias-em-saude

Bioestatítica

Ementa: Análise exploratória de dados. Noções de probabilidade. Amostragem e estimação. Testes de hipóteses.
– bioestatistica

Busca e Gerenciamento de Referências

Ementa: Bases de dados na área da saúde. Estratégias de buscas sistematizadas. Gerenciadores de referências.
– busca-e-gerenciamento-de-referencias

Economia da Saúde

Ementa:

Conceitos básicos de economia (custo de oportunidade, oferta e demanda, eficiência, utilidade, trade-off e elasticidade). Microeconomia (estrutura de mercados; mercado de saúde; falhas de mercado: externalidade, elasticidade e assimetria da informação). Principais indicadores macroeconômicos. Financiamento em Saúde. Custos em saúde. Taxa de desconto. Gasto catastrófico em saúde. O objetivo do curso é apresentar aos alunos como o setor saúde incorpora os conceitos e métodos da teoria econômica e como estes dois campos do conhecimento convergem quando se trata do problema da escassez de recursos e da tomada de decisão. Pretende fornecer ao aluno fundamentação teórica associada à aplicação prática, a partir os seguintes objetivos: apresentação dos principais conceitos da economia; tópicos de macroeconomia e microeconomia; financiamento na perspectiva do SUS financiador de bens e serviços de saúde; custos direto e indireto; taxa de desconto; gastos catastróficos em saúde e ônus financeiro sob a perspectiva das famílias.

– economia-saude

Epidemiologia Básica e Metodologia da Pesquisa

Ementa: Fundamentos da epidemiologia. Medidas de frequência de doença. Causalidade. Medidas de associação. Validade. Estudos de caso. Estudos transversais. Estudos coorte. Estudos de intervenção. Elaboração e apresentação
de trabalhos científicos. A organização de texto científico. Plágio.
– epidemiologia-basica-e-metodologia-da-pesquisa

Revisão Sistemática e Metanálise

Ementa: A avaliação de tecnologias em saúde (ATS) tem se desenvolvido como uma resposta às necessidades dos sistemas de saúde compreender as consequências da mudança tecnológica em saúde e como um instrumento para auxiliar aos processos de decisão referentes ao uso de tecnologias médicas. A ATS pode contribuir para uma prática clínica mais efetiva e menos iatrogênica e para uma utilização mais racional dos recursos tecnológicos e financeiros. Um dos grandes desafios na avaliação de tecnologias em saúde é o de identificar a evidência relevante. Para tecnologias muito novas, esta informação pode ser escassa e difícil de encontrar; para outras, ao contrário, pode ser profusa, dispersa e de qualidade variável. Recuperar e sintetizar as evidências disponíveis constitui-se, pois, em etapa crucial presente em qualquer processo de avaliação. Revisões sistemáticas (RS) e metanálises (MA) ocupam posição superior na hierarquia das evidências sobre as intervenções em saúde. Estas revisões são planejadas para responder a uma pergunta específica e utilizam métodos explícitos e sistemáticos para identificar, selecionar e avaliar criticamente os estudos, e para coletar e analisar os dados. Estes estudos são particularmente úteis para integrar as informações de um conjunto de trabalhos realizados separadamente, em locais e momentos diferentes, por grupos de pesquisa independentes, sobre determinada tecnologia, permitindo responder sobre o benefício ou não de uma intervenção, bem como possibilita que, após a identificação dos erros e acertos realizados, um novo estudo possa ser planejado de forma mais adequada. Permitem, além disso, identificar temas que necessitam de evidências mais conclusivas, auxiliando na orientação para investigações primárias futuras. A disciplina objetiva apresentar e discutir os fundamentos metodológicos das revisões sistemáticas e disponibilizar conhecimentos básicos de como planejar, executar e apresentar uma revisão desse tipo.

– revisao-sistematica-e-metanalise

Defesa de TCC

Ementa: Discussão do projeto com orientador. Conclusão da dissertação. Apresentação da dissertação perante a Banca. Objetivo Ao final da disciplina, o aluno deverá ter realizada a apresentação escrita e oral do trabalho de conclusão de curso perante Banca homologada pela Coordenação de Pós-Graduação. Conteúdo programático 1. Discussão do projeto com o orientador.

– defesa-de-TCC

Seminários de Acompanhamento de Dissertação I

Ementa: Projeto do trabalho de conclusão de curso: escopo, método, cronograma e financiamento. Qualificação para apresentação.

Seminários-de-Acompanhamento-de-Dissertação-I

Seminários de Acompanhamento de Dissertação II

Ementa: Projeto do trabalho de conclusão de curso: escopo, método, cronograma e financiamento. Qualificação para apresentação.

Seminários-de-Acompanhamento-de-Dissertação-II