Sobre o curso em Ciências Cardiovasculares

O Programa de Mestrado Profissional em Ciências Cardiovasculares, vigente desde 2013, tem como missão formar profissionais que, através do método científico, estejam aptos para a investigação de problemas identificados na prática da atenção à saúde cardiovascular, com geração de soluções inovadoras. O Programa pretende, além de seu papel na formação profissional, produzir e compartilhar conhecimentos, principalmente para o SUS, mas também aplicáveis a outros cenários de cuidado à saúde cardiovascular.

O objetivo geral do Programa é “Qualificar, através do embasamento científico e incorporação dos avanços da ciência e tecnologia, profissionais atuantes no campo da saúde cardiovascular, tornando-os aptos a desenvolver pesquisas científicas aplicadas e inovação, produzir e transferir conhecimento para comunidade científica e a sociedade em geral, contribuindo para o desenvolvimento local, regional e nacional”.

Seus objetivos específicos são:

-Desenvolver, nos alunos, habilidades de análise crítica, pesquisa científica e inovação;

-Formar profissionais capacitados em pesquisas de caráter clínico e translacional na área da saúde cardiovascular;

-Formar profissionais capacitados em desenvolver inovação na área cardiovascular;

-Formar profissionais que levem os conhecimentos formais adquiridos durante o curso para o campo de trabalho, seja ele público ou privado.

Área de concentração, linhas de pesquisa e projetos de pesquisa

O Mestrado Profissional em Ciências Cardiovasculares se enquadra na grande área de concentração das Ciências da Saúde. A opção por essa única área de concentração se deu pelo caráter multiprofissional do programa, cujos docentes e discentes são profissionais de diferentes formações, atuantes no campo da saúde cardiovascular, como médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas e profissionais de educação física. Possui duas linhas de pesquisa: “Pesquisa clínica e translacional na área cardiovascular” e “Pesquisa em inovação e gestão na área cardiovascular”.

A estrutura curricular do Mestrado Profissional em Ciências Cardiovasculares apresenta um conjunto de competências e saberes distribuídos em disciplinas obrigatórias e eletivas. A estrutura curricular foi idealizada a partir do pressuposto de que o programa recebe principalmente profissionais já atuantes nas suas respectivas áreas de formação, acrescidos de alguns ex-residentes da instituição, recém-egressos da residência, e que portanto necessitam partir dos fundamentos da pesquisa. Por isso, inicialmente o curso enfatiza as bases necessárias para a pesquisa, através das disciplinas obrigatórias Metodologia da Pesquisa, Epidemiologia, Bioestatística e Bioética. As disciplinas obrigatórias procuram fundamentar o aluno quanto à sua questão de pesquisa, oferecendo os meios para construir seu projeto, desenvolvê-lo e obter suas respostas. Estas devem ser cumpridas no primeiro semestre, de forma a instrumentalizar o discente para o desenvolvimento do seu projeto de pesquisa. Existem ainda, como disciplinas obrigatórias, as disciplinas “seminários de dissertação” (1,2 e 3), as quais, ao longo do primeiro, segundo e terceiro semestres, permitem o acompanhamento da evolução do trabalho do discente. Finalmente, até o terceiro semestre, cada discente deve cumprir uma disciplina eletiva, definida pelo aluno e seu orientador, geralmente de acordo com o tema estudado. As disciplinas eletivas procuram, por sua vez, aumentar a inserção do aluno nas questões que concernem à sua área de estudos. Desta forma, há uma oferta de várias disciplinas eletivas que estão de acordo com as linhas de pesquisa. Em cada uma delas são desenvolvidos temas pertinentes a cada campo de pesquisa, os quais são discutidos e aprofundados, de forma a proporcionar um embasamento para melhor desenvolvimento das ideias do aluno referentes ao seu projeto, facilitando também a redação do seu trabalho de conclusão e de produções intelectuais associadas.

Os referenciais teóricos abordados em cada disciplina, a metodologia de trabalho adotada e os instrumentos de avaliação ficam a cargo dos docentes responsáveis, submetidos à aprovação e supervisão da coordenação do curso. Os conteúdos são anualmente revistos e atualizados, e professores e especialistas externos são frequentemente convidados a ministrar aulas, a fim de proporcionar o enriquecimento do curso com conhecimentos de alto nível trazidos por profissionais de outras instituições.

De acordo com os conteúdos oferecidos, o Mestrado Profissional em Ciências Cardiovasculares busca assumir perante seu corpo docente, discente e sociedade um compromisso de excelência de ensino-aprendizagem, com a formação de qualidade de seus alunos.